Slide

Eu Preciso de Pouco

quarta-feira, março 16, 2016

Foto: @notgabs

Há aqueles que tentam agradar seus amores com flores. Outros, com presentes caros: jóias, roupas, perfumes. E também há aqueles que tentam agradar com um abraço em um momento inesperado, uma mensagem de bom dia nas segundas-feiras - e no resto da semana - e um elogio dito ao pé do ouvido às 4 da tarde, Não que os primeiros não possam fazer isso, podem sim. É que os últimos são a minha preferência.

Muitos julgam saber que mulheres gostam de presentes, de dinheiro. Aí é que vem a hipocrisia: quem não gosta disso? Acredito que não há alguém para erguer o braço e exclamar "eu não". O que faz toda a diferença é dizer que mulheres gostam apenas de presentes. Existem exceções, pessoas que querem estar ao seu lado para se aproveitar. Isso ocorre em ambos os sexos, é claro. Mas eu, particularmente, nunca amaria mais alguém ou deixaria de amar pelas coisas que eu ganho. O que me faz amar uma pessoa são as atitudes que ela toma. As coisinhas pequenas que ela faz por mim. As coisas que eu só tenho vontade de fazer por ela. Cada "como foi o teu dia?" que eu ouço no final da noite.

Valorizar as pequenas coisas. Saber o que te acrescenta, o que aquece teu peito e o que faz tua alma sorrir. É dessas coisas que tu precisas. De pouco. Pouco no sentido materialista, pois eu também preciso de muito. De muito amor, de muitos beijos, abraços, carinho no final da tarde e companheirismo. Alguém para quem eu possa ligar quando as coisas estiverem dando errado, um ombro pra chorar, um ouvido pra me ouvir por horas e horas falar com orgulho sobre a minha mais recente conquista.

Eu sou simples. Posso não ser a pessoa mais simpática do mundo às vezes, mas uma manhã ensolarada é suficiente para me deixar com um sorriso na cara pelo resto do dia. Posso ter os meus dias ruins de vez em quando, mas minhas borboletas do estômago nunca deixarão de voar quando você perguntar se podemos nos ver na quinta-feira. Eu preciso de pouco para flutuar. Pouco para me sentir tremer.

Eu só preciso de algumas tardes com você assistindo um filme no sofá da sala como se amanhã não fosse segunda-feira. De um pouquinho de açúcar no sangue para adoçar um pouco a amargura que nos aflige em alguns dias do ano. De um abraço pra dizer que vai ficar tudo bem. De manhãs de sábado para ficar de pijama até tarde sem a preocupação de tirá-lo por qualquer motivo aparente. De comer brigadeiro de colher. Eu preciso de pouco, meu bem.

Leia também

18 comentários

  1. Lindo texto. Acho maravilhoso isso de conseguir valorizar as pequenas coisas.
    Beijos
    BlogCarolNM
    FanPage

    ResponderExcluir
  2. Muito obrigada, Carol <3 É sim, uma das coisas mais bonitas e que deveria ser feito com mais frequência por todos nós.
    Beijos =)

    ResponderExcluir
  3. Só li verdades ♥ Também sempre fui muito fã desse tipo de pessoa. Que valoriza ao máximo as pequenas coisas. É claro que um mimo de vez em quando é uma delícia, mas esses momentos são mais ainda. Deveria ser de lei.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Com certeza, acho que os mimos são um bônus considerando que o principal é receber amor distribuído em doses diárias de pequenas atitudes. Temos que saber valorizar cada detalhezinho ♥

      Excluir
  4. Nunca fui muito fã de receber presentes de alguém, sempre preferi coisas simples. Acho que um abraço, ou um simples bom dia, valem mais do que um presente caríssimo. Gosto de pessoas que valorizam as coisas mais simples do mundo ♥
    Beijos Mari ^^

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Receber um bom dia de alguém que gostamos não tem preço ♥ Essas coisinhas valem ouro e só nos deixam com sorrisos no rosto. Muitos não percebem, mas somos seres simples. Precisamos de pouco para ficarmos felizes =)
      Beijos!

      Excluir
  5. As vezes um bom dia carinhoso vale mais do que um buquê de flores! As pequenas coisas estão aí para serem aproveitadas!

    Lindo texto!

    www.belezurasetravessuras.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Exatamente assim, Aline <3 A mais pura verdade - e talvez clichê - é que são as pequenas coisas que fazem a diferença. Muito obrigada!

      Beijos.

      Excluir
  6. Amei, amei, amei! <3
    Seu blog é lindo! Sucesso!

    Tem POST NOVO no meu blog! Já viu?
    www.poderosaderosa.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Own, obrigada Ana =) Sucesso pra ti também! Vou conferir o teu blog, pode deixar <3

      Excluir
  7. oi, oi.

    ain, que reflexão maravilhosa, Mari! <3 assim como vc, eu tbm gosto de pouca coisa e amo a simplicidade. pra me conquistar, não precisa de império, apenas que me dê atenção e se preocupe comigo. prevejo que o comentário virará desabafo, então, segura aí...

    há pouco tempo eu estava ficando com um cara e me divertindo muito, já que a companhia dele era super agradável. mas quando a gente tá gostando de alguém, nossos olhos meio que se fecham pra realidade, né? meus amigos ficavam no meu pé falando pra eu me controlar, sair menos e bla bla bla. eu os ouvi? nopes!

    saía toda noite com o cara, andávamos a cidade inteira e sempre íamos aos melhores lugares da cidade. chegou uma época em que eu recebi convites pra uma festa gls. não pude ir pq estava em semana de provas. perguntei se ele queria ir. o cara disse que sim. resumo: ele foi à festa e ficou com várias pessoas. só vi as fotos depois. cheguei à conclusão de que ele mais queria as coias que eu oferecia do que a minha companhia.

    ou seja: eu tbm preciso de pouco e não pretendo ser o muito (ou dar muita coisa material) pra alguém, afinal, quem gosta da gente se importará com o nosso bem estar, não com os bens materiais que temos a oferecer.

    enfim...

    bjs!
    Não me venha com desculpas

    ResponderExcluir
  8. Adriel, muito obrigada ♥ Também sou assim, só preciso de atenção e muito carinho que já fico feliz e me sinto muito especial.

    Nossa, que chato isso :/ Realmente quando estamos apaixonados não vemos as coisas... é triste que alguém se aproveite disso para conseguir alguma coisa de nós. Infelizmente ainda há muitas pessoas materialistas e interessadas só no que lhes convêm.

    As pessoas precisam aprender a ser mais simplistas <3

    Beijos.

    ResponderExcluir
  9. Que texto mais amooooooooooooooooooooooooor!!
    Lindo lindo, eu preciso de pouco também rs, pena que tem gente que não percebe né :/ ou que tenta nos dar "muito" do "grande" e esquece dos detalhes, dos sorrisos e do calor do abraço. Ai ai
    Sempre maravilhosa com as palavras s2
    mil beijos!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigadaaa Beca por esse carinho gigante ❤ Sim, exatamente... acho lindo quem lembra dos detalhes e os valoriza assim como a gente. Eles é que nos deixam mais felizes do que tudo, hehe.
      Beijos =)

      Excluir
  10. Ah se todos se contentassem com esse pouco e o valorizasse como valorizam o muito, né? O mundo seria mais lindo!
    Lindo texto e lindo blog, parabéns <3

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pois é, Alice :( Infelizmente existem muitas pessoas que acham que só o muito é o que vale e acabam esquecendo daquilo que é essencial.
      Muito obrigada, moça ❤

      Excluir
  11. O pouco quase sempre é tudo. Parabéns, texto verdadeiro e puro! ")
    www.pontoseabismos.wordpress.com Essa é minha página, visita lá rs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É, exatamente Tandy. Muito obrigada, viu? ❤
      Vou visitar sim =)

      Excluir

Postagens Populares

Inscreva-se