Slide

Filme | O Preço do Amanhã (In Time)

terça-feira, fevereiro 09, 2016


Oi gente! Como vocês estão?

Eu gosto muito de assistir filmes, e esse é um tema que eu percebi que nunca trago aqui para o blog. Recentemente assisti o filme O Preço do Amanhã, indicado pela Jout Jout em um vídeo que ela fez especialmente sobre ele (amo essa mulher!). A sinopse me atraiu muuito e fiquei morrendo de vontade de ver.

O filme se passa em futuro próximo onde a nova moeda é o tempo. Para fazer qualquer coisa, você precisa dele, seja para comprar um café ou andar de ônibus. O salário é recebido em tempo de vida, os bancos têm empréstimo de tempo e o filme é totalmente focado nisso. É bem curioso, na verdade. Pensar em uma realidade assim nos deixa bastante confusos.

Todas as pessoas, ao atingirem os 25 anos, param de envelhecer. A partir dali, seu relógio é ativado e elas têm apenas 1 ano de vida e precisam ir atrás para conseguirem mais tempo. Isso acontece para evitar uma superpopulação. Os fusos horários delimitam as diversas classes sociais, e Will (Justin Timberlake), o protagonista principal, vive em um fuso horário onde todas as pessoas são muito pobres, tendo em sua maioria apenas um dia de vida. Todas elas precisam trabalhar e economizar o máximo que podem para ter mais um dia, e vivem assim, no limite.


Por outro lado, os ricos acumulam séculos e até mesmo milênios de vida em seus relógios. Will conhece um homem que tem mais de um século de vida, que após uma conversa entre os dois, percebe que vive demais e não aproveita o tempo que tem. Ele resolve doar todo o seu tempo de vida para Will, que jamais teve a oportunidade de viver sem se preocupar com o relógio quase zerado. A partir daí, Will começa a ser perseguido pelas autoridades, que pensam que ele roubou mais de um século, que na verdade, lhe foi dado de presente.

Ele acaba conhecendo uma moça chamada Sylvia (Amanda Seyfried), filha de um magnata que acumula milênios de vida. Os dois então começam a lutar contra o sistema que acabou criando uma realidade onde alguns vivem eternamente, e outros vivem apenas alguns dias. 

Eu achei a ideia do filme muito interessante, e comecei a pensar como seria se o nosso mundo fosse assim. Achei bastante convidativo ele mostrar uma realidade paralela à nossa, cercada de diferenças sociais. Pessoas com muito poder aquisitivo querendo cada vez mais, exibindo egoísmo e egocentrismo. Pessoas com péssimas condições lutando diariamente para sobreviver, enquanto poderiam receber ajuda de quem tem mais.

Apesar disso, O Preço do Amanhã tem alguns pontos fracos que me fizeram não dar nota máxima para ele. Acredito que o filme tinha uma boa premissa, mas o tema não foi desenvolvido tão bem quanto poderia ter sido. Ficou muito focado em momentos de ação - que tiveram algumas falhas que poderiam ter sido evitadas - e pouco na ideia central. Parece que ficou na mesma coisa durante o filme todo e não se sucederam muitos fatos relevantes. Ele poderia ter uma duração maior e mais cenas tratando sobre esse novo sistema, tirando um pouco da ação e desenvolvendo melhor a história.

Por mais que tenha alguns contratempos, eu gostei do filme e acho que vale a pena ver. É um filme que te deixa muito pensativo e reflexivo, de certa forma. 

NOTA: 4/5
♥ 

Alguém aí já assistiu? Deixem nos comentários a sua opinião sobre ele! Ah, e se quiser ver o vídeo da Jout Jout falando sobre ele, é só clicar aqui

Leia também

4 comentários

  1. Em primeiro lugar: gosto muito esse filme.
    Em segundo lugar: amo Jout Jout também *-*
    E concordo com você, a ideia é fantástica, mas não foi tão bem trabalhada e explorada quanto poderia, no fim das contas, vale a pena.

    Adorei tua resenha *-* Mil beijos!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pois é, eu amei essa ideia do filme mas ele poderia ter sido melhor, apesar de ser bem bom. É meio confuso explicar o que achei hahaha.
      Ah, A Jout Jout é um amooor <3
      Que bom que gostou da resenha :)
      Beijos.

      Excluir
  2. Eu já perdi as contas de quantas vezes assisti esse filme, de verdade, e assim como o Diabo Veste Prada nunca me canso. Adoro filmes com temas futuristas, me faz imaginar como será daqui algum tempo, piro muito hehehe O casal principal é o mais lindo que já vi, me emociona muito o jeito que eles lutam contra tudo e todos para ficarem juntos a qualquer custo, mesmo que isso signifique roubar seu próprio pai. Esse é um filme que indico para todos, TODOS MESMO. Adorei o post, beijaao! :* <3

    - Ewilyn

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Jura, Ewilyn? Awn, que bom que gosta =) Eu também amo O Diabo Veste Prada hahahaha é muito bom, amo a Anne Hathaway. E sim, também curto bastante filmes futurísticos, e essa visão do tempo como uma forma de moeda me atraiu muito. Nos deixa intrigados, né? O casal é muito fofo mesmo, e amei ver o Justin Timberlake atuando também.
      Beijos! <3

      Excluir

Postagens Populares

Inscreva-se